Como está o debate do voto impresso auditável, bandeira dos atos pró-Bolsonaro de 1º de Maio - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Como está o debate do voto impresso auditável, bandeira dos atos pró-Bolsonaro de 1º de Maio

Por: Elite FM
Publicado em 06/05/2021
img
Apoiadores de Jair Bolsonaro se reuniram em Brasília, no último sábado (1º): voto impresso auditável foi uma das principais demandas do ato.| Foto: Claudio Marques/Estadão Conteúdo

As manifestações em apoio ao presidente Jair Bolsonaro no sábado (1º) podem ter sido determinantes para a instalação da comissão especial que vai discutir o mérito da proposta de emenda à Constituição (PEC) 135/2019, que estabelece a volta do voto impresso nas eleições para auditar o resultado das urnas eletrônicas. O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), afirma que instalará o colegiado, apesar de toda a pressão de lideranças políticas e líderes partidários na Casa. A pressão exercida por parte da sociedade — sobretudo o eleitorado bolsonarista — ao demandar a pauta nas ruas pode ter sido, portanto, o empurrão que faltava, analisam, otimistas, os congressistas defensores do voto impresso auditável. Mesmo alguns defensores da matéria sabem, contudo, que o cenário não é tão simples. Com a Câmara discutindo as reformas tributária, administrativa e prestes a engatar o debate sobre a reforma política, não é tão simples para Lira cumprir a promessa e instalar a comissão especial. Mesmo numa Casa legislativa com 513 deputados, ainda falta o timing político. E é nisso que a deputada Bia Kicis (PSL-DF), presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), vem trabalhando.Uma questão que intriga:”Por que os EUA,o  país mais evoluído do mundo,não adotou o voto eletrônico ? Por mais segurança em quem aposta no voto eletrônico,sabe-se que nesta área há fraudes até nas forças armadas e quem faz o programa,pode fazer o processo de invasão de dados,o que não acontece com o voto auditável. 


Fonte: Gazeta do Povo