Servidores, privatizações, relação com Beto Richa: após 100 dias de gestão, o que pensa o governador Ratinho Junior - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Servidores, privatizações, relação com Beto Richa: após 100 dias de gestão, o que pensa o governador Ratinho Junior

Por: Elite FM
Publicado em 15/04/2019
img
Foto: Aniele Nascimento/Gazeta do Povo

Após 100 dias no comando do governo do Paraná, Carlos Massa Ratinho Junior considera que “deu o tom” de como serão seus quatro anos de mandato. Ações desses 100 dias: a reforma administrativa, o fim da aposentadoria para ex-governadores e as mudanças nos licenciamentos ambientais. No âmbito político, sua relação com o ex-governador, Beto Richa, hoje é inexistente. Avaliou, ainda, o governo de Jair Bolsonaro - que considera ser "sério, com uma equipe muito boa. O Paraná tem 3,5 mil cargos comissionados e haverá redução. A Copel está reduzindo aluguéis. A folha de pagamento do Paraná era de R$ 10 bilhões em 2010. Hoje, é de R$ 32 bilhões. Alguma coisa está errada. Houve exageros. Declarou o governador:Pensamos em privatizar a Copel Telecom e a Compagas. Queremos caminhar muito para Parcerias Público-Privadas (PPPs) também na área de saúde, com gestão de hospitais. Sobre as estatais, não há justificativa para o estado ter duas companhias como a Copel Telecom e a Compagas, que atendem só ao setor privado. A Copel Telecom não tem como disputar com as maiores do mundo, que estão todo dia colocando dinheiro em uma velocidade muito maior. Não é necessidade básica da população. A Copel Energia é necessidade básica, tem um desenvolvimento social envolvido. A Copel Telecom, não. Não tem porque a gente manter esse ativo sendo que está faltando dinheiro para outras áreas. É uma bobagem. A mesma coisa para a Compagas. Obviamente, vamos fazer isso de forma muito clara, em bolsa de valores, avalizado pela Assembleia. Acho que há uma consciência da população de que o governo não tem que ficar cuidando desse tipo de coisa, mas só do que é essencial.


Fonte: Gazeta do Povo

Fonte das fotos: ImagemFoto: Aniele Nascimento/Gazeta do Povo