Cubanos que ficaram no Brasil podem voltar ao Mais Médicos - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Cubanos que ficaram no Brasil podem voltar ao Mais Médicos

Por: Elite FM
Publicado em 27/12/2018
img
Imagem:Divulgação

Dados do Ministério da Saúde mostram que 29% das 8.517 vagas abertas com a saída dos profissionais de Cuba não foram preenchidas na primeira fase de seleção aberta pelo governo. Quando o vice-presidente eleito, general Hamilton Mourão (PRTB), declarou em 19 de novembro que “metade” dos médicos cubanos do programa Mais Médicos não voltaria ao seu país de origem houve quem avaliasse que não passava de mais uma “bola fora” do militar. Um mês depois da fala de Mourão, a realidade mostra que ele pode não estar totalmente certo quanto ao número de cubanos que ficaram no Brasil, mas tinha razão ao afirmar que muitos dos profissionais da ilha caribenha poderão ser reintegrados ao sistema de saúde brasileiro. O cruzamento de dados da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), que firmou o contrato com Cuba para a vinda dos médicos, mostra que perto de 1,8 mil profissionais cubanos continuam no Brasil. Em novembro, a organização havia divulgado que cerca de 1,4 mil médicos tinham permissão do governo de Cuba para permanecer no Brasil pelo fato de terem casado com cidadãs e cidadãos brasileiros e muitos profissionais cubanos permanecem em suas cidades.


Fonte: Gazeta do Povo

Fonte das fotos: Imagem :Divulgação