Médicos denunciam atrasos das políticas antipoluição no Brasil, em prejuízo à saúde e economia da população - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Médicos denunciam atrasos das políticas antipoluição no Brasil, em prejuízo à saúde e economia da população

Por: Elite FM
Publicado em 25/10/2018
img
Imagem:Internet/Carro Elétrico da Itaipú

Ontem 24 de outubro,data em que todo o planeta destacou o Dia da ONU, com o aniversário da entrada em vigor, em 1945, da Carta das Nações Unidas. A Associação Paulista de Medicina (APM) e o Instituto Saúde e Sustentabilidade (ISS) divulgaram à imprensa dados estarrecedores sobre a poluição do ar e saúde, que comprovam que o Brasil segue na contramão dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Na oportunidade, foram  apresentadas estatísticas inéditas sobre mortalidade e internações públicas por doenças respiratórias, cardiovasculares e câncer de pulmão, custos ao sistema de saúde, perda de produtividade e causa de péssima qualidade de vida. Os governos historicamente nunca tiveram projeto de Estado para reduzir a poluição. Os maiores causadores da poluição nas cidades são os veículos a combustão e o governo  não incentiva carros elétricos, cujo preço gira em torno R$ 200 mil. Só para citar um típico atraso brasileiro. O Brasil tem apenas 300 carros elétricos rodando e há todas as provas evidentes de que o carro élétrico é uma realidade mundial, com zero de poluição e ruído. O governo brasileiro é totalmente retrógrado no campo das energias não poluidoras.


Fonte: Acontece Comunicação

Fonte das fotos: Imagem:Carro Elétrico da Itaipú