Discurso autoritário do PT vem do marxismo. Há condições de colocá-lo em prática? - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Discurso autoritário do PT vem do marxismo. Há condições de colocá-lo em prática?

Por: Elite FM
Publicado em 07/10/2018

Cientistas políticos avaliam a origem do discurso autoritário do PT, seus riscos e as condições de implantação de uma agenda hegemônica no país. Para o professor de Ciência Política Adriano Gianturco, a violência no discurso dos petistas tem origem no pensamento marxista, uma das bases ideológicas do partido. Movimentos marxistas e os partidos marxistas são violentos, agressivos, totalitários, revolucionários, guerrilheiros e antidemocráticos. Não há nenhum grupo marxista, não só os partidos, mas todos os movimentos, que não seja assim. Não se trata de interpretações ou teorias conspiratórias. Isso está dentro do DNA do marxismo”, diz. Mesmo com tamanha agressividade no discurso, os ideais propagandeados por partidos de esquerda ainda encontram guarida em algumas camadas da sociedade. Para o cientista político, a explicação para esse fato se deve ao messianismo embutido em projetos políticos como o do PT. Os ideais são lindos, é o paraíso na Terra. O capitalismo vai colapsar, e depois a queda do capitalismo virá o mundo comunista, que estará eternamente em harmonia. Por isso eles chamam de fim da História, porque será uma sociedade sustentável e perfeita, sem propriedade, sem divisão de classes, sem exploração, etc.”, diz. “Mas algo que promete uma visão messiânica é potencialmente dogmática e gera fanatismo. Todos os movimentos marxistas geraram algum tipo de consequência: sangue, revolução e depois totalitarismo”, lembra.


Fonte: Gazeta do Povo