Dono da Havan diz que se a esquerda voltar ao governo vai repensar planos de expansão - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Dono da Havan diz que se a esquerda voltar ao governo vai repensar planos de expansão

Por: Elite FM
Publicado em 21/09/2018
img
Luciano Hang dono da Havan/ internet/Gazeta do Povo

Com faturamento 40% maior no primeiro semestre, o plano de Luciano Hang é chegar a 200 lojas em 2022. Mas isso depende do resultado das eleições, segundo o empresário. A varejista catarinense Havan registrou crescimento de 40% em seu faturamento no primeiro semestre de 2018, e deve chegar à sua meta de 120 lojas e faturamento de R$ 7 bilhões até o final deste ano. Atualmente em 16 estados, a rede quer estar presente em todos os estados brasileiros até 2022, abrindo 200 lojas até lá. No entanto, os planos de seu fundador, Luciano Hang, dependem do resultado das eleições presidenciais deste ano.“É um momento político que preciso enfatizar. Queremos investir, empreender, mas se a esquerda voltar para o país, vamos repensar tudo que temos planejado para o país até 2022, sinceramente vou rever todo meu planejamento estratégico”, afirmou Hang. Hang é da linha que acredita que o futuro do Brasil está nas mãos dos empresários, que, segundo ele, são os grandes responsáveis por gerarem riqueza e empregos por aqui. Acredita que o país poderia crescer entre 4% e 5% ao ano, mas que, perante um governo que quer ser “monopolista da política econômica” e que não acredita na classe empresarial, acaba desperdiçando as oportunidades. “Temos que ser um tigre latino-americano, mas hoje somos um gatinho. Temos que fazer a população ver que o desenvolvimento de um país depende de seus empreendedores, e não do governo”, acredita. 


Fonte: Gazeta do Povo

Fonte das fotos: Imagem:Foto/Reprodução/Luciano Hang dono da Havan/Internet/Gazeta do Povo