O que muda com a decisão do STF para educação básica - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

O que muda com a decisão do STF para educação básica

Por: Elite FM
Publicado em 07/08/2018

O Supremo Tribunal Federal definiu que crianças de cinco anos não podem mais entrar no primeiro ano do ensino fundamental. A determinação é polêmica, pois muitos educadores defendem uma avaliação personalizada para saber se, com quase seis anos, uma criança está apta para ingressar nessa fase da educação básica. Ou seja, para eles, o STF não teria autoridade para tomar essa decisão. Para a educação infantil (pré-escola), quatro anos completos até 31 de março do ano letivo. Para o ensino fundamental, seis anos completos até a mesma data. Para o ensino médio não há idade mínima, mas o esperado é que o aluno chegue à etapa com 15 anos. Mudanças podem passar a valer a partir do próximo ano, mas dependem, segundo especialistas, da análise do acórdão do STF (ainda não publicado). Essa análise será feita pelos conselhos estaduais de educação, que normatizam as atividades das escolas públicas e particulares de cada estado. Poderá haver regras de transição para o ingresso de crianças no ensino fundamental. Por que a idade de ingresso é importante? Pesquisas indicam a importância do aprendizado adequado à faixa etária da criança. Na pré-escola as atividades são mais lúdicas, enquanto no fundamental o trabalho é mais efetivo, especialmente na alfabetização.


Fonte: Gazeta do Povo