Como a Copa deve aumentar as preocupantes taxas de natalidade da Rússia - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Como a Copa deve aumentar as preocupantes taxas de natalidade da Rússia

Por: Elite FM
Publicado em 07/07/2018

Para especialistas em demografia "o entusiasmo sentido durante a partida se prolonga e é empregado de outras maneiras depois do apito final". Desde 1990, a Rússia registra uma taxa de fertilidade incapaz de manter a sua população, o que acarreta inúmeros problemas para o desenvolvimento de um país. Embora esse índice esteja crescendo – em 1999 era de 1,17 filho por mulher, enquanto que em 2015 era de 1,75 –, ainda é insuficiente. Especialistas em demografia da Rússia, contudo, esperam, curiosamente, que a Copa do Mundo de 2018 tenha um impacto positivo e contribua para a elevação da taxa de fertilidade russa.Pesquisas realizadas em países que já sediaram Copas do Mundo constatam esse crescimento: a Inglaterra, que sediou e venceu a Copa de 1966, experimentou um aumento na taxa de fertilidade após o evento; o mesmo aconteceu na Alemanha, em 2006, e no Brasil, em 2014: registraram-se respectivamente 15% e 7% mais nascimentos em março do ano seguinte ao mundial, comparativamente ao mesmo mês no ano anterior. Isso se deve, segundo especialistas, ao fator de bem-estar produzido por um evento esportivo dessa magnitude.


Fonte: Gazeta do Povo