No “toma lá, dá cá”, quanto custa um ministro para o governo federal? - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

No “toma lá, dá cá”, quanto custa um ministro para o governo federal?

Por: Elite FM
Publicado em 03/05/2018

Pesquisa acadêmica feita com 141 deputados federais e senadores, entre 2013 e 2017, mostra quais são os ministérios mais visados e o que os políticos são capazes de pagar por eles. Quanto vale para um partido controlar um ministério no governo federal?  O estudo mostra não apenas que cada ministério tem um valor distinto na escala de preferências dos partidos, mas também que há um entendimento comum entre os políticos sobre o valor de cada ministério. O preço da governabilidade parece mesmo ser a entrega de parte do poder político (e orçamentário) para aliados (ou quase aliados).Está aí a  volúpia dos políticos por cargos para barganhar o mercado do  toma-lá-dá-cá. A pesquisa ouviu 141 deputados federais e senadores, que apontaram como mais valiosos os ministérios das Cidades, Planejamento, Fazenda, Casa Civil, Educação, Minas e Energia, Saúde e Integração Nacional. Entre os ministérios menos valiosos, apareceram Segurança Institucional, Igualdade Racial, Aviação civil, Políticas para Mulheres, Comunicação Social, Pesca, Esporte e Cultura. A desgraça para a sociedade é que “Os políticos em geral não fazem indicações técnicas, eles indicam justamente pessoas que o ajudaram na campanha. É por isso que há toda sorte de distorções onde a competência para o cargo não existe e o dinheiro público é aplicado para favorecimentos pessoais, ou seja vai para o ralo da corrupção  tão vergonhosa que já não cabe mais no balaio  de cada contribuinte quem engorda o impostômetro.


Fonte: Gazeta do Povo