Copel quer desligar 600 funcionários em 2018 (e sem substituição) - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Copel quer desligar 600 funcionários em 2018 (e sem substituição)

Por: Elite FM
Publicado em 27/04/2018

Programa de demissões da empresa foi encerrado em março. Vagas não devem ser repostas e força de trabalho será substituída por investimentos em produtividade e tecnologia. A Copel deve eliminar cerca de 600 vagas em 2018 por meio de seu Plano de Demissão Incentivada (PDI), encerrado em março deste ano. O PDI é voltado para empregados que atendam condições específicas, como mais de 55 anos de idade e 20 anos de estatal, fatores que devem estar combinados. Atualmente a Copel conta com 8.158 empregados. Em 2017, a empresa desligou 356 funcionários, sendo 248 deles por PDI. Não há planos de novos PDIs, por enquanto, e as vagas serão definitivamente eliminadas. Ainda em nota, a empresa afirma que “já adota uma política de otimização de gestão para redução de custos, com revisão dos processos, investimento em tecnologia e em práticas que estimulem a produtividade – prerrogativas que poderão compensar a redução do quadro”. A diminuição do número de funcionários deve trazer uma economia de R$ 150 milhões anuais. 


Fonte: Gazeta do Povo