Falta de recursos compromete avanço do saneamento básico no Brasil - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Falta de recursos compromete avanço do saneamento básico no Brasil

Por: Elite FM
Publicado em 11/04/2018

Em 2007, entrava em vigor no Brasil a Lei do Saneamento Básico, que estabeleceu regras para o setor, prevendo a universalização dos serviços de abastecimento de água e de tratamento de esgoto no país. Hoje, onze anos depois, apenas 51,92% da população têm acesso a sistemas de esgotamento, segundo dados do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS), ligado ao Ministério das Cidades. Isso significa que mais de 100 milhões de brasileiros se veem obrigados a utilizar medidas alternativas através de fossas ou jogar esgoto diretamente em rios. Depois da lei, os números melhoraram, mas o avanço foi de apenas 9,92 pontos percentuais. Em 2007, apenas 42% da população era atendida por redes de esgoto. E o motivo é muito claro. O governo do PT, a partir de Lula, em vez de aplicar recursos do nosso imposto para melhorar a infraestrutura do Brasil, emprestou  dezenas  de bilhões de reais a 14  países exatamente para melhorar a infraestrutura da Argentina, Colômbia, Venezuela, Peru, México, Honduras, Cuba, Angola, República Dominicana, Panamá, Guatemala e Equador. A Venezuela já deu calote  de R$ 1 bilhão ao Brasil. Esse foi o governo  que ajudou os pobres ?


Fonte: Agência do Rádio Brasileiro e Elite FM