Um sorrateiro?aumento de impostos - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Um sorrateiro?aumento de impostos

Por: Elite FM
Publicado em 16/01/2018

Ao não reajustar a tabela do Imposto de Renda pelo terceiro ano seguido, governo aprofunda defasagem e pune os mais pobres. A Receita Federal acabou com qualquer esperança de o brasileiro ter uma correção na tabela do Imposto de Renda Pessoa Física de 2018, que tem como base os rendimentos de 2017. Burocraticamente, o órgão alegou “falta de medida legal que a autorizasse no momento do envio do Ploa”, em referência à lei orçamentária anual. Traduzindo para o português, o governo não vai reajustar nada e, com isso, promoverá um aumento de impostos camuflado, mais uma vez – este é o terceiro ano consecutivo sem correção. Como bem sabe o brasileiro que paga corretamente seus impostos, o IR adota alíquotas que têm como referência o valor nominal, em reais, do salário mensal do contribuinte. Quando essa tabela não é reajustada, mas o trabalhador consegue um reajuste ao longo do ano, ainda que seja a mera reposição da inflação, sem aumento real, muitos experimentam uma mudança de status diante do fisco. Alguns contribuintes que até dois anos atrás estavam isentos do pagamento de IR acabam entrando na primeira faixa, cuja alíquota é de 7,5%. Da mesma forma, outros trabalhadores podem subir de faixa e pagar mais Imposto de Renda. Em palavras mais claras é ação do governo saqueando o contribuinte, que por lei, tem direito à correção da tabela do IR, que não é atualizada há 3 anos.


Fonte: Gazeta do Povo