Auditores fiscais do Estado fiscalizam produtos e nem tudo poderia estar à venda por conter insetos vivos - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Auditores fiscais do Estado fiscalizam produtos e nem tudo poderia estar à venda por conter insetos vivos

Por: Elite FM
Publicado em 27/11/2017

Auditores fiscais federais agropecuários colheram na última semana amostras de 60 produtos de origem vegetal nos cinco maiores polos produtores do Paraná. O objetivo foi checar a qualidade da farinha de trigo disponível ao consumidor final. Na operação, em fiscalização aos depósitos de produtos no comércio, foram apreendidas cerca de duas toneladas de feijão com insetos vivos, pelos auditores de Londrina.Foram colhidas 87 amostras de milho pipoca, canjica de milho, amendoim, ervilha e lentilha. As embalagens de amendoim estavam fora do padrão exigido, e foram detectados problemas na qualidade da ervilha. A segunda etapa da iniciativa batizada de Prosit ocorreu em outubro e teve foco no rótulo das cervejas importadas e comercializadas no Estado do Paraná. Foram recolhidas 124 amostras, de 24 importadoras em 18 estabelecimentos comerciais. Todas as amostras apresentaram problemas na rotulagem. As empresas foram autuadas e os importadores convocados para orientação e sanar os problemas. Atualmente existem 2,7 mil fiscais na ativa, que atuam nas áreas de auditoria e fiscalização, desde a fabricação de insumos, como vacinas, rações, sementes, fertilizantes, agrotóxicos etc., até o produto final, como sucos, refrigerantes, bebidas alcoólicas, produtos vegetais (arroz, feijão, óleos, azeites, etc.), laticínios, ovos, méis e carnes. , como sucos, refrigerantes, bebidas alcoólicas, produtos vegetais (arroz, feijão, óleos, azeites, etc.), laticínios, ovos, méis e carnes. 


Fonte: Assessoria Anfa Sindical