Cidadania também se aprende na escola - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Cidadania também se aprende na escola

Por: Elite FM
Publicado em 30/10/2017

Iniciativas interdisciplinares estimulam a formação de competências necessárias ao futuro profissional dos estudantes. Eles são adolescentes e, como é típico da idade, querem mudar o mundo. Suas preocupações não se limitam a entender o que acontece ao seu redor para poder explicar na prova. Estão preocupados com as intempéries do ditador norte-coreano Kim Jong-un, as articulações políticas do presidente norte-americano Donald Trump, a sustentabilidade do turismo em Curitiba e na Região Metropolitana e em como potencializar esse mercado sem impactar o meio ambiente. Querem aprender Matemática, Física e Português, mas também desenvolver habilidades que não são obrigatórias no currículo escolar e nem exigidas no vestibular. Pensam no futuro do planeta e no deles como profissionais, não apenas como técnicos, mas como pessoas engajadas em um mundo que não aceita mais passividade. Escolas de primeiro mundo  tem como maior objetivo desenvolver o senso crítico dos alunos através da leitura, interpretação, redação de textos e observação crítica de tudo o que acontece no mundo.A criticidade  proporciona as melhores escolhas individuais e consequentemente para toda a sociedade.


Fonte: Gazeta do Povo e Elite Fm