Estudantes curitibanas criam aplicativo para auxiliar vítimas de assédio em ônibus - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Estudantes curitibanas criam aplicativo para auxiliar vítimas de assédio em ônibus

Por: Elite FM
Publicado em 30/10/2017

Duas curitibanas, de 13 e 14 anos, criaram um aplicativo de smartphone para ajudar mulheres em casos de assédio sexual dentro de ônibus. O dispositivo foi chamado de “SOS People” e funciona como sirene e rastreador, enviando a localização da vítima para seus familiares e possibilitando – por meio de GPS - o acompanhamento de sua localização em tempo real, para que seja resgatada em caso de necessidade. Lara Matesith do Prado, 13, e Eduarda Mathias Rossi, 14, são estudantes do Colégio Positivo Junior, no bairro Mercês, e apresentaram a novidade na “Mostra de Soluções para uma Vida Melhor”, que aconteceu em 30 de setembro na escola. O protótipo apresentado pelas adolescentes chamou a atenção do colégio e elas receberão apoio dos técnicos da Positivo Informática para aprimorar o projeto. Esse aplicativo é conectado a um botão, que pode ficar escondido no bolso da jaqueta ou na alça do sutiã, por exemplo. “Quando a mulher apertar esse dispositivo uma vez, o celular emitirá um alerta sonoro para assustar o meliante e ainda enviará uma mensagem para parentes e amigos cadastrados com um pedido de ajuda e a localização da vítima naquele momento” Além disso, quando a vítima apertar o botão duas vezes, o dispositivo enviará a mensagem silenciosamente e ainda apresentará a localização da mulher em tempo real. “Isso pode ser utilizado até em casos de sequestro.


Fonte: Gazeta do Povo