Com 10% das armas dos EUA, Brasil tem taxa de homicídios com armas de fogo 5 vezes maior - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Com 10% das armas dos EUA, Brasil tem taxa de homicídios com armas de fogo 5 vezes maior

Por: Elite FM
Publicado em 10/10/2017

O Brasil tinha, em 2007, taxa de 23,5 assassinatos por 100 mil habitantes. Nos Estados Unidos, a proporção era de 5,6. O massacre de Las Vegas, nos Estados Unidos, reacendeu o debate – tanto na sociedade americana quanto no resto do mundo – sobre a relação entre armamento civil, violência e segurança pública. A questão, que em tese poderia ser resolvida com um apelo aos dados, geralmente acaba num atoleiro de análises enviesadas, comparações espúrias e informações pouco confiáveis. O que emerge, com alguma clareza, da massa de estudos disponíveis é que a ideia de que o “cidadão de bem armado” representa um fator extra de segurança para a sociedade não passa de um mito. Dados sobre a posse de armas por cidadãos comuns nos diferentes países do mundo são difíceis de obter. A fonte mais citada atualmente é um relatório publicado em 2007 pelo grupo de pesquisa suíço Small Arms Survey, mas uma nota técnica do informe reconhece que “é inerentemente impossível ter certeza do número total de todas as armas. Incertezas tornam as aproximações inevitáveis”. Com base nos números do relatório, os Estados Unidos são o país com o maior número absoluto de armas de fogo em poder da população civil, com 270 milhões, numa taxa de 89 armas de fogo para cada 100 habitantes. Essa taxa põe os EUA também no topo do ranking de armas per-capita. O Brasil, por sua vez, aparece em nono lugar no ranking absoluto, com pouco menos de 15 milhões de armas nas mãos de cidadãos comuns, e em 75º no ranking per-capita, com 8 armas por 100 habitantes. 


Fonte: Gazeta do Povo