Governo da Argentina exigirá dados de vendas, custos e estoque de grandes empresas - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Governo da Argentina exigirá dados de vendas, custos e estoque de grandes empresas

Por: Elite FM
Publicado em 19/03/2021
img
O esquerdismo argentino está sufocando a economia do país. Imagem ilustrativa-Foto: Ronaldo SCHEMIDT / AFP

O governo de Alberto Fernández quer ampliar o controle sobre os preços e estoques de produtos de consumo em massa considerados essenciais na Argentina. A Secretaria de Comércio determinou que, a partir de abril, grandes empresas que atuam no país terão que repassar ao governo, mensalmente, dados detalhados sobre preços, vendas e estoque de produtos considerados essenciais – mas cuja lista ainda não foi publicada. O objetivo do governo argentino é criar um sistema de monitoramento, batizado de Sipre (Sistema de Informação para Implementação de Reativação Econômica), para evitar o desabastecimento para o consumidor final e “aumentos injustificados de preços. O Ministério de Produção, ao qual pertence a Secretaria de Comércio, afirmou que as informações repassadas serão mantidas sob sigilo e que não serão usadas para penalizar as empresas. Contudo, multas poderão ser aplicadas para as que se recusarem a integrar o sistema de monitoramento. Em uma primeira etapa, 500 grandes empresas dos setores de comércio, construção e indústria terão que informar esses dados (para cada setor há uma linha de corte baseada no faturamento anual que indicará quais empresas serão incluídas no sistema). Cerca de outras 500 serão incluídas em uma segunda etapa, cuja data ainda não foi definida. Os empresários afetados disseram ter sido pegos de surpresa e reclamaram que a criação do Sipre gera mais burocracia e custos, além de representar mais controle e intervenção do governo na atividade econômica.


Fonte: Gazeta do Povo