Huawei, edital contestado e mais: cinco pontos sobre o leilão do 5G no Brasil - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Huawei, edital contestado e mais: cinco pontos sobre o leilão do 5G no Brasil

Por: Elite FM
Publicado em 17/02/2021
img
Foto: Unsplash /Gazeta do Povo

Que o 5G promete revolucionar a relação entre pessoas e tecnologia todo mundo já sabe. Mas 2021 começou com o governo sinalizando uma série de avanços para sua implementação no Brasil. A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) quer fazer o leilão ainda no primeiro semestre, e o governo já publicou uma portaria com as diretrizes para esse edital. O documento dá brecha para a participação da Huawei no processo, mas também determina a criação de uma rede privativa para comunicação da administração pública federal. As exigências provocaram críticas das grandes operadoras de telecomunicações, mas foram elogiadas por pequenos provedores. Enquanto isso, uma comitiva do Ministério das Comunicações passou os últimos dias em viagem por cinco países da Europa e da Ásia. Entre os dias 2 e 13 de fevereiro, o grupo se encontrou com dirigentes de empresas de telecomunicações e governos da Suécia, Finlândia, Coreia do Sul, Japão e China. O objetivo era conhecer os modelos implementados nesses países para aprimorar o desenvolvimento do 5G no Brasil. Em comunicado, o Ministério das Comunicações informou que “para que isso ocorra, a portaria elenca regras mais rígidas que limitam o perfil dos equipamentos que irão compor a rede privativa. A ideia é promover mais segurança para o tráfego de dados e de informações estratégicas do governo. As empresas que fornecerão equipamentos para essa rede precisam ter padrão de transparência e governança corporativa compatíveis com os exigidos no mercado acionário brasileiro”. 


Fonte: Gazeta do Povo