Deltan: “Fim da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba causa preocupações” - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Deltan: “Fim da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba causa preocupações”

Por: Elite FM
Publicado em 06/02/2021
img
Procurador Deltan Dallagnol, ex-coordenador da força-tarefa da Lava Jato no Paraná-Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo

O procurador Deltan Dallagnol afirmou que o fim da Lava Jato em Curitiba “causa preocupações”. Após sete anos de atuação, operação foi encerrada no dia 1.º de fevereiro e parte dos procuradores serão integrados ao Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público Federal do Paraná. “Tais mudanças ocorrem, infelizmente, dentro de um quadro de retrocessos no combate à corrupção, reconhecidos por organismos internacionais. É importante que a Procuradoria-Geral da República invista no reforço das equipes, o que é uma questão de prioridades”, disse Deltan, que coordenou a força-tarefa por mais de seis anos. O procurador deixou o cargo em setembro de 2020, para se dedicar a um tratamento de saúde da filha de um ano. O procurador usou o Twitter para comentar o fim da operação. Deltan apontou que a mudança da operação para o Gaeco reduz o número de procuradores que “trabalham com dedicação exclusiva no caso, que já foram 10 dentre 14, e hoje são apenas 4”.A operação Lava-Jato permitiu a recuperação de R$ 4 bilhões e prisões de agentes de colarinho branco, que se achavam intocáveis em meio a corrupção, propinas e constantes assaltos ao dinheiro público. A dilapidação da Petrobrás foi elucidada pela Lava-Jato. 


Fonte: Gazeta do Povo e Elite Fm