Por que laboratórios privados não desenvolvem vacinas no Brasil? - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Por que laboratórios privados não desenvolvem vacinas no Brasil?

Por: Elite FM
Publicado em 27/01/2021

Se, de um lado, o governo deixou de fazer investimentos importantes nas estruturas sob sua responsabilidade, de outro o poder público também não criou incentivos para que laboratórios privados se interessassem em desenvolver imunizantes no Brasil. Stephano, da USP, explica que o principal empurrão foi para a produção de biossimilares, que têm investimento menor do que o necessário para a produção de uma vacina – ou seja, apresentam melhor relação de custo benefício para as empresas. Os biossimilares são produtos biológicos – ou seja, produzidos a partir de organismos vivos – que são altamente semelhantes a medicamentos inovadores. "A pesquisa para o desenvolvimento de uma vacina ou soro custa, em média, entre US$ 1 bilhão e US$ 1,3 bilhão, do começo ao fim. [O desenvolvimento de] um biossimilar – ou seja, um produto similar ao que já está no mercado, que não pode ser uma vacina – custa cerca de R$ 200 milhões a R$ 300 milhões. Isso faz com que o produto fique atrativo, com preço agregado muito mais alto", diz o professor. Os valores diferem tanto porque, no Brasil, não é permitido pagar voluntários para a realização de estudos clínicos. 


Fonte: Gazeta do Povo