Tínhamos a vacina desde o início. Só não podíamos usá-la - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Tínhamos a vacina desde o início. Só não podíamos usá-la

Por: Elite FM
Publicado em 31/12/2020
img
Numa sociedade livre, a burocracia não teria retardado tanto a aprovação e distribuição de uma vacina eficiente e inovadora como a da Moderna-Foto: Joel Saget/AFP

Poucas pessoas sabem que a vacina contra a Covid-19 da Moderna – que o FDA [órgão norte-americano semelhante à nossa Anvisa] avaliou como “extremamente eficiente" e que agora está sendo distribuída aos norte-americanos – na verdade estava disponível há quase um ano. A vacina, um triunfo da medicina conhecido como mRNA-1273, foi criada num único fim de semana, apenas dois dias depois de os pesquisadores chineses publicarem o código genético do vírus, em 11 de janeiro de 2020.Durante toda a pandemia, enquanto centenas de milhares morriam e a economia mundial era dizimada pelos lockdowns, essa vacina extremamente eficiente esteve disponível. Mas o governo proibia você, e todas as pessoas que morreram, de tomá-la. Há quem diga que o FDA "salva vidas” freando as inovações na área de saúde com suas exigências de estudos clínicos que duram anos e até décadas, e custam bilhões. O contraponto, aqui, é óbvio: quantas vidas o FDA sacrificou nesse meio-tempo? No caso da Covid-19, sabemos a resposta: até aqui, mais de 300 mil mortes só nos Estados Unidos. Mas então por que a vacina foi atrasada em quase um ano? Porque o FDA proíbe estudos clínicos rápidos, nos quais os voluntários tomam a vacina e são expostos ao vírus no laboratório, em vez de terem de esperar meses para descobrir quantos pegaram o vírus “naturalmente”. Esses estudos teriam provado a eficiência da vacina numa questão de semanas. Mas o FDA considera o risco imposto aos voluntários alto demais. Por quê? Por que centenas de milhares de mortes “naturais” causadas por uma doença contagiosa são consideradas aceitáveis pelo FDA— enquanto a possibilidade remota de uma ou duas mortes, no pior dos cenários, entre voluntários esclarecidos não é aceitável? Não há uma resposta racional para isso. A verdade trágica é que somos controlados por uma burocracia médica covarde que prefere permitir que centenas de milhares de pessoas morram a encararem qualquer crítica em potencial por permitir um estudo acelerado da vacina. 


Fonte: Philip Steele-Gazeta do Povo