Pandemia trouxe mais tempo de tela e sofá para crianças, com prejuízos à saúde - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Pandemia trouxe mais tempo de tela e sofá para crianças, com prejuízos à saúde

Por: Elite FM
Publicado em 17/12/2020
img
Aumento do peso corporal, maior dependência de telas e a perda da rotina foram alguns dos danos para as crianças- Foto: Bigstock/Gazeta do Povo

Das muitas mudanças que a pandemia da Covid-19 trouxe em 2020, uma das que deveria causar mais preocupação teria de ser esta: as crianças estão se mexendo menos. Confinadas a apartamentos algumas vezes apertados e sem ter onde e com quem gastar a energia acumulada, os filhos acabam se grudando às telas, aumentando o peso corporal e se esquecendo de habilidades motoras que, até o ano passado, estavam desenvolvendo. Estudo publicado na revista científica BMC Public Health, em setembro, analisou as respostas de 211 pais norte-americanos sobre as atividades físicas e o comportamento sedentário dos filhos antes e durante a pandemia. Cerca de 36% dos pais reconheceram que os filhos fizeram "muito menos" atividade física nos sete dias anteriores em comparação à fevereiro deste ano, no início da pandemia. Quase metade, 41%, disse que os filhos tinham ficado "muito mais" tempo sentados nos últimos sete dias, em comparação ao mesmo período. O mesmo foi visto na Itália, em um estudo com 41 crianças com obesidade ou sobrepeso que já recebiam acompanhamento antes do novo coronavírus. Os pais podem não perceber, mas quando os filhos estão correndo no meio de outras crianças, eles também estão desenvolvendo a noção de espaço e tempo. Crianças sem aula presencial é para muitos psicólogos mais pernicioso que estar em sala de aula.


Fonte: Amanda Milléo-Gazeta do Povo