Notificações de mortes de macacos redobram atenção para a febre amarela - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Notificações de mortes de macacos redobram atenção para a febre amarela

Por: Elite FM
Publicado em 11/12/2020
img
Foto-Arquivo/AEN

Região da 7ª Regonal é atingida. A Secretaria de Estado da Saúde confirmou na quarta-feira (9) oito mortes de macacos pela infecção do vírus da febre amarela. Os casos ocorreram na 7° Regional de Saúde, nos municípios de Clevelândia (2), Coronel Domingos Soares (3) e Mangueirinha (1), e na 6° Regional de Saúde, no município de Cruz Machado (2).“Os casos de morte de macacos sinalizam que o vírus está circulando nessas regiões. Além disso, estamos no período sazonal da doença, que acontece de dezembro a maio. As ações de combate e prevenção promovidas pela secretaria estadual de Saúde são permanentes e a orientação que consideramos fundamental é que toda a população receba a vacina que protege contra a febre amarela”, afirmou o secretário da pasta, Beto Preto. O Paraná registra de 1º de julho até agora, 81 notificações de epizootias (mortes de macacos pelo vírus): 11 estão em investigação, 32 ocorreram por causas indeterminadas, outras 30 foram descartadas e 8 foram confirmadas para a febre amarela. A médica veterinária da Divisão de Doenças Transmitidas por Vetores da secretaria, Emanuelle Gemin Pouzato, ressalta que os macacos não são transmissores da febre amarela. “Como os humanos, eles também são contaminados pelo vírus e não oferecem risco de transmitir a doença para as pessoas”. 


Fonte: Agência Estadual de Noticias