A ideia do ano: uma nova Constituição brasileira vai mudar tudo – para melhor, claro - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

A ideia do ano: uma nova Constituição brasileira vai mudar tudo – para melhor, claro

Por: Elite FM
Publicado em 01/11/2020
img
Tive uma ideia! Que tal uma nova Constituição no Brasil? Está tudo tão calmo mesmo…| Foto: Pixabay/Gazeta do Povo

É raro eu usar este adjetivo, ainda mais acompanhando o nome de um político, mas não é hora para meias-palavras: o deputado Ricardo Barros é um gênio. Só mesmo alguém com uma inteligência avantajada, só mesmo um visionário, só mesmo alguém que pensa com o lado esquerdo do cérebro (ops) para, em pleno Ano da Graça de 2020, propor a elaboração de uma nova Constituição brasileira.Barros, que foi vice-líder na Câmara, hoje atua como líder do governo Bolsonaro (vai entender!), talvez tenha se inspirado na minirrevolução chilena. Mas, se fosse para apostar, diria que ele se inspirou  outros grandes constitucionalistas latino-americanos. Não será uma tarefa fácil. Ainda mais num país tão conflagrado e dividido como o Brasil. Mas tenho certeza de que Barros, um homem à frente do seu tempo, previu as intermináveis discussões nas redes sociais, as laudas e mais laudas escritas sobre cada um dos zilhares de artigos, todas as reviradas de olhos da apresentadora enfadada do telejornal e principalmente o anseio por um documento que, de uma vez por todas, deixe claro quem é que manda neste país: o Judiciário. Aliás, fica aqui a minha sugestão ao deputado Ricardo Barros para que ao menos parte da Nova Constituição seja elaborada pelo povo. É, democracia diretaça mesmo. Talvez se possa organizar um grande sorteio de artigos e incisos e parágrafos elaborados por simples camponeses, por expoentes do pensamento facebookiano, por jogadores de futebol e até por (arght) jornalistas.De minha parte, sugiro que o texto constitucional inclua a proibição (sob pena de morte) do uso do verbo “poder” em manchetes. Como em “A Nova Constituição pode ser apenas uma piada do nobre deputado Ricardo de Barros”.”Todavia,que há muitos penduricalhos que sugam o pais,é uma verdade e uma nova Constituição  poderia ser o começo do “novo normal” para o país,onde realmentre  todos sejam iguais perante a lei.


Fonte: Paulo Polzonof Jr- Gazeta do povo