Lugar da mulher também é na política: Pato Branco terá uma mulher para vice - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Lugar da mulher também é na política: Pato Branco terá uma mulher para vice

Por: Elite FM
Publicado em 25/09/2020

As convenções partidárias encerradas na semana passada deram luz à Emenda Constitucional (EC) nº 97/2017, que proíbe, a partir da eleição deste ano, a coligação partidária para as eleições proporcionais, ou seja, para os cargos legislativos — Câmara dos Deputados, Senado, assembleias legislativas e câmaras municipais. Na prática, todos os partidos, ao apresentarem a nominata de postulantes a uma vaga, devem respeitar o coeficiente mínimo de 30% de mulheres filiadas para concorrer ao pleito Legislativo. No caso de Pato Branco, para as eleições municipais de 2020, 14 partidos apresentaram candidatos após as convenções. No total são 159 nomes e, destes, 56 mulheres. A primeira mulher a assumir uma cadeira no Legislativo de Pato Branco foi Helena Constantinópolos Severo (Aliança PDC/PSD), em 11 de outubro de 1965. Ela era a 5ª suplente, destaca o livro “Documentário sobre a História Político-Adminsitrativa de Pato Branco”, da pesquisadora e documentarista, Sueli Rosa Dartora.Foi na gestão 1973/ 1976 que duas mulheres ocuparam simultaneamente cadeiras no Legislativo. Pelo MDB, Sity da Silva Silvério, que fez 646 votos, e, pela Arena, Ivone Tissot Barbosa de Souza, eleita com 676 votos.Já na gestão 1997/2000, as mulheres do Legislativo de Pato Branco foram Laurinha Luiza Dall’Igna, eleita pelo PTB com 593 votos, e Sueli Terezinha Polly Ostapiv, do PDT, com 408 votos. Na gestão seguinte (2001/2004), as suplentes Clemair Terezinha Ruffato Bertol (PDT) e Terezinha da Silva (PL) ocuparam cadeiras do Legislativo. Mas foi somente na gestão 2005 a 2008 que pela primeira vez a Câmara Municipal de Pato Branco foi presidida por uma mulher. Márcia Fernandes de Carvalho, então no PPS, foi presidente da Casa em 2008. Nesta gestão, 2017/2020, Marines Boff Gerhardt é a representante do PSDB. Ela teve, na última eleição, 1.523 votos. Somente nesta eleição é que em Pato Branco haverá uma mulher candidata ao cargo de vice-prefeito,Ângela Padoan,filha do  ex-prefeito, Clóvis Padoan.


Fonte: Diário do Sudoeste