Viúva de dois maridos, anistiados políticos: as fabulosas pensões duplas acima do teto - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Viúva de dois maridos, anistiados políticos: as fabulosas pensões duplas acima do teto

Por: Elite FM
Publicado em 25/08/2020

O Supremo Tribunal Federal (STF) determinou o abate-teto para pagamentos acumulados de aposentadorias com pensões acima do limite constitucional – R$ 39,3 mil. Mas há uma outra forma de acúmulo de renda no serviço público federal – as duplas pensões. O blog apurou uma relação de 50 pensionistas com renda acima do teto, incluindo viúvas de dois maridos, filha solteira e viúva, dependente de anistiado político e viúva. A decisão do STF representa um avanço, mas tem uma limitação – só vale para pensões e aposentadorias concedidas após 4 de junho de 1998. Existe até o “cúmulo” da pensão tripla. Maria Campolina Barbosa, de 64 anos, recebe três pensões como filha maior inválida nos valores de R$ 65 mil bruto e R$ 45 mil líquido, deixadas por Mário Couto Barbosa. Duas são pagas pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), onde Mário era professor, num total de R$ 52 mil bruto e R$ 35 mil líquido. A terceira é paga pelo Conselho de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ) – R$ 13 mil bruto, totalizando R$ 96 mil líquidos. O Brasil está atolado em benesses, pensões absurdas que revoltam quem paga imposto e teriam direito de receber em serviços tudo o que pagam, mas recebe “uma banana”.


Fonte: Gazeta do Povo e Elite Fm