MPF aciona pastor evangélico por promessa de cura da Covid-19 - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

MPF aciona pastor evangélico por promessa de cura da Covid-19

Por: Elite FM
Publicado em 07/08/2020

O Ministério Público Federal ajuizou ação civil pública contra o pastor evangélico Valdemiro Santiago, líder da Igreja Mundial do Poder de Deus, pela venda de sementes de feijão com a falsa promessa de cura da Covid-19. A ação pede indenização de R$ 300 mil por danos sociais e coletivos que teriam sido causados pela prática. Segundo o MPF, Santiago divulgou vídeos em que afirma que ao plantar os feijões as pessoas seriam curadas da doença causada pelo coronavírus. Os grãos eram vendidos, ainda de acordo com a promotoria, por valores que variavam de R$ 100 a R$ 1 mil. Em um trecho do vídeo, transcrito na ação, o pastor diz que laudos médicos comprovariam a eficácia dos feijões, inclusive com a recuperação de pacientes terminais. Para o MPF, Santiago abusou da fé alheia além de colocar em risco a saúde pública. “No contexto em que foram proferidas as declarações resta evidente a prática abusiva da liberdade religiosa, na medida que incentiva os supostos fiéis ou interessados na aquisição das sementes de feijão, na crença de estarem curados, inclusive com o objetivo de angariar recursos financeiros dos fiéis”, diz o MPF. As informações são da Agência Brasil. Essa  enganação é fruto da completa ignorância de  boa parte da população, sem nenhum senso crítico, para acreditar em tamanha lorota dos feijões milagrosos. Realmente é charlatanismo. O pior disso tudo é que tem gente que acredita, quando nem para piada serve.Mais uma prova de que a educação básica do Brasil  continua com falhas gritantes.


Fonte: Gazeta do Povo e Elite Fm