Isolamento social de populações inteiras é um erro, diz epidemiologista de Stanford - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Isolamento social de populações inteiras é um erro, diz epidemiologista de Stanford

Por: Elite FM
Publicado em 09/07/2020
img
Isolamento social: para infectologista, tais medidas causam mais danos do que benefícios| Foto: BigStock/Gazeta do Povo

O médico John Ioannidis se tornou um cientista reconhecido por expor a “má ciência” praticada por seus pares. Mas a Covid-19 pode ser o maior desafio de sua carreira. Segundo ele, tais medidas causam mais danos do que benefícios. E mesmo com os ataques que vem recebendo, o médico parece não querer recuar na questão. Além disso, os modelos matemáticos que baseiam tais medidas de isolamento social teriam falhas estruturais terríveis. Ioannidis disse também que os dados médicos sugerem que o risco de morte pela doença é muito menor do que as estimativas iniciais apontaram, e que para indivíduos abaixo dos 45 anos esse risco “é quase zero”. A taxa média de mortalidade entre os infectados é de 0,25 por cento. Porém, esse risco “aumenta substancialmente” para indivíduos acima dos 85 anos, e pode chegar a 25% entre aqueles que estão em asilos.Por isso, Ioannidis vê o isolamento social de populações inteiras como um erro, embora ele admita que essas medidas ainda faziam algum sentido quando os especialistas acreditavam em uma alta taxa de mortalidade da Covid-19, entre 3% e 5%.“Sinto-me extremamente triste porque minhas previsões estavam corretas”, disse Ioannidis, que continuou: “Já aconteceram consequências sérias na economia, na sociedade e na saúde mental. De forma similar, nós já começamos a ver as consequências da crise financeira, agitações e conflitos sociais. Outras milhões de vidas estão sendo colocadas em risco com a possibilidade de ressurgimento da tuberculose e doenças infantis como o sarampo ,que teve os programas de vacinação interrompidos e a malária. Eu espero que os responsáveis por tomar essas medidas de isolamento olhem para todos os problemas que o isolamento pode trazer, isso como um todo, e não só aquela fatia importante, mas pequena, da Covid-19.

 


Fonte: Gazeta do Povo