Após ser descartado por Bolsonaro, Feder faz post rebatendo acusações contidas em dossiê - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Após ser descartado por Bolsonaro, Feder faz post rebatendo acusações contidas em dossiê

Por: Elite FM
Publicado em 07/07/2020
img
Renato Feder, secretário da Educação do Paraná-Foto: Geraldo Bubniak/Agência Estadual de Noticiais

O secretário de Educação do Paraná, Renato Feder, fez um post em que rebate várias informações que estavam em um dossiê entregue por assessores ao presidente Jair Bolsonaro. Feder havia sido escolhido pelo presidente para ser o novo ministro da Educação, mas Bolsonaro acabou recuando da decisão após pressões da ala ideológica do governo. Feder revela na sua publicação: ”Desde janeiro de 2019, tenho me dedicado a melhorar a educação pública do Paraná, como secretário estadual de Educação. Em 2003, assumi a Multilaser com 150 colaboradores e hoje ela tem cerca de 3.000 funcionários. Em 2018, saí da operação da empresa. Não sou vinculado a qualquer instituição educacional privada e a nenhuma ONG. É falso que tenha havido divulgação de livros com ideologia de gênero no Paraná. Não sou, nem nunca fui filiado a partido político. Sou a favor de uma educação que coloca alunos e professores no centro do processo. Graças às professoras e aos professores do Paraná, e com o sólido trabalho do nosso governador Ratinho Junior, estamos implantando o maior programa de tecnologia educacional do País. Acredito que todos podem e devem evoluir em relação ao que pensavam na juventude. Gostaria de ser avaliado pelo que eu penso e faço hoje, como um gestor público, ao invés de um livro escrito quinze anos atrás”. Renato-Feder -Secretário de Estado da Educação do Paraná 


Fonte: Gazeta do Povo