É preciso vigilância digital em cima de contatos suspeitos nesta pandemia - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

É preciso vigilância digital em cima de contatos suspeitos nesta pandemia

Por: Elite FM
Publicado em 04/06/2020

Um fator que pode colaborar, mas que exige uma discussão ampla – que não acontece no Brasil: vigilância digital em cima de contatos e suspeitos, aos moldes do que a Coreia do Sul vem fazendo.  Hoje temos uma estimativa anônima de movimentação, feita com base nos dados de triangulação de antenas de celulares. Surgem  soluções de vigilância digital das mais loucas: “As pessoas vão topar, por exemplo, instalar app no celular para esse monitoramento? Ou usar o bluetooth para saber que outros aparelhos estiveram perto? São tecnologicamente factíveis, mas são propostas que exigem debate sobre privacidade e segurança de dados. Quando cidades e estados têm segurança para afrouxar as medidas de isolamento, vem a nova etapa de planejamento: como coordenar o que deve reabrir. O professor de economia do Insper Fernando Ribeiro Leite defende que é preciso mensurar o impacto do vírus nos setores da economia – no meio urbano, sobretudo no comércio e serviço. “Comércio e serviço têm duas coisas importantes: são intensivos em trabalho [muita mão de obra] e a realização da produção deles depende, em alguma medida, da interação com outras pessoas. Isso é um dilema absolutamente novo. Para Ribeiro Leite, a rigor não há uma ordem lógica de que tipo de serviço pode abrir antes ou depois. “Acima de remédio e comida, não dá para julgar muito o que é essencial ou não. É na minúcia do negócio”, analisa. E aí vem outra questão para cidades e estados, que podem estabelecer regras criteriosas para a reabertura de determinadas atividades: quem vai fiscalizar?


Fonte: Gazeta do Povo