Cerca de 4 mil pessoas foram imunizadas na terceira etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza em Pato Branco - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Cerca de 4 mil pessoas foram imunizadas na terceira etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza em Pato Branco

Por: Elite FM
Publicado em 24/05/2020
img
Foto:Assessoria de Imprensa Prefeitura Municipal de Pato Branco

Nas três fases da campanha, foram mais de 18, 5 mil pessoas vacinadas. A Prefeitura de Pato Branco, através da Secretaria Municipal de Saúde, iniciou no dia 09 de maio a terceira fase da Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza, que imunizou no município, até essa terça-feira (19), 3.980 pessoas dos grupos prioritários, que nesta etapa, seguindo recomendação do Ministério da Saúde, está contemplando crianças de 6 meses a menores de 6 anos; pessoas com deficiência; gestantes; puérperas (até 45 dias de pós parto); adultos de 55 a 59 anos de idade e professores de escolas públicas e privadas. Desde o começo da campanha, antecipada para o dia 23 de março, devido à pandemia do Coronavírus (COVID-19), foram vacinadas nas três etapas 18.581 pessoas em Pato Branco: idosos: 9.659 (129,61%); trabalhadores de saúde: 2.795 (94,87%); portadores de doenças crônicas: 2.030 (60,38%); gestantes: 394 (40,41%); puérperas: 49 (30,62%); crianças de 6 meses a 5 anos: 2.350 (40,06%); professores: 183 (17%); adultos de 55 a 59 anos: 388 (11,23%); trabalhadores do transporte coletivo: 173; caminhoneiros: 138; pessoas com deficiência: 31; população privada de liberdade: 163 (88,10%); funcionários do sistema prisional: 81 (101,25%) e profissionais das forças de segurança e salvamento: 147. A coordenadora de Educação em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde, Elys Regina Albani, afirma que os números de imunizados em Pato Branco são ótimos, no entanto, é necessário ampliar a cobertura do grupo de crônicos, crianças, gestantes, puérperas, professores e adultos. "As gestantes devem procurar o serviço para fazer a vacina, pois além de gerar imunidade para si, confere anticorpos para o bebê, já que a criança pode ser vacinada com 6 meses de vida. No caso das puérperas vacinadas, o bebê ficará protegido por meio da mãe, que passará anticorpos pelo leite materno", explica.


Fonte: Assessoria:Departamento de Imprensa do Município de Pato Branco