Projeto declara Pato Branco como a capital tecnológica e inovadora do Paraná - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Projeto declara Pato Branco como a capital tecnológica e inovadora do Paraná

Por: Elite FM
Publicado em 16/05/2020
img
Deputado Luiz Fernando Guerra Foto-Orlando Kissner-Alep

Proposto pelo deputado Luiz Fernando Guerra (PSL), o projeto de lei 274/2020, que está tramitando na Assembleia Legislativa do Paraná, concede o Título de Capital Tecnológica e Inovadora do Paraná ao Município de Pato Branco. A matéria prevê, ainda, que seja inserido no Calendário de Eventos Oficiais do Estado do Paraná a comemoração do título durante a Semana da Tecnologia e Inovação, celebrada anualmente entre os dias 16 a 22 de outubro. O deputado Luiz Fernando Guerra afirma que em 2017, Pato Branco foi a primeira cidade do interior a receber a Campus Party, no formato Campus Weekend. Resultado de um conjunto de ações e iniciativas que foram fortalecidas quando da criação, em 2013, da primeira Secretaria Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação do Paraná e, do Parque Tecnológico de Pato Branco, em 2016. De acordo com Guerra, o Município de Pato Branco se destaca como polo regional de educação, com mais de 90 cursos superiores e cerca de 100 indústrias de softwares, aparelhos e componentes eletrônicos. Essa parceria entre universidades e mercado permitiu ser instalado na cidade um Parque Tecnológico, reconhecido nacionalmente. O deputado afirma que as estruturas modernas e inclusão tecnológica inseriu Pato Branco na Rede de Cidades Digitais. Com uma população superior a 80 mil pessoas, Pato Branco tenta ser referência em tecnologia principalmente em produção de software e eletroeletrônicos. O Parque Tecnológico de Pato Branco é uma infraestrutura modelo, voltada à pesquisa, extensão e incubação de empresas de base tecnológica. A cidade ocupa o 7º lugar do Paraná no Índice Firjan de Desenvolvimento Municipal. Entre os 5.570 municípios brasileiros, Pato Branco assume a 51ª posição liderando na região Sudoeste do PR.


Fonte: Assessoria Alep