Por que é importante aprender a morrer - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Por que é importante aprender a morrer

Por: Elite FM
Publicado em 13/05/2020

Michel Montaigne escreveu: “Ele que aprendeu a morrer desaprendeu a ser escravo. Saber morrer nos liberta de toda a sujeição e de todos os limites”. Nenhuma educação é mais importante do que essa. Em vez disso, as universidades norte-americanas contemporâneas se dedicam à vida sem limites e à cantilena política progressista atual. Claro que os alunos equivocadamente educados nesse regime demonstram pouca virtude diante da pandemia do coronavírus. Eles não sabem morrer bem e não sabem nem mesmo que deveriam saber. A morte é um caminho rumo ao longe. Eles tampouco sabem que viver bem significa ajudar os outros a morrerem bem — ou que é adequado viver de modo a superar a morte alheia, enfrentar da melhor forma possível nosso temor natural da morte. As universidades deveriam formar cidadãos capazes de trabalhar em conjunto para pôr fim à pandemia de coronavírus. Mas elas também deveriam formar cidadãos capazes de enfrentar o coronavírus — e, se for o caso, de encarar a doença mortal com dignidade.“Filosofar”, conclui Montaigne, inspirado em Cícero, “é tão-somente se preparar para a morte (...) toda a sabedoria e raciocínio do mundo se resumem a isso: a nos ensinar a não termos medo de morrer.


Fonte: David Randall é diretor de pesquisas da National Association of Scholars/Gazeta do Povo