Vilão ou Mocinho: qual a interferência do ar-condicionado na disseminação do novo coronavírus - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Vilão ou Mocinho: qual a interferência do ar-condicionado na disseminação do novo coronavírus

Por: Elite FM
Publicado em 06/05/2020
img
A ventilação pelas janelas ainda é o método mais seguro, mas talvez o uso do ar-condicionado não seja de todo mal| Foto: Bigstock/Gazeta do Povo

Nove pessoas de três diferentes famílias supostamente saudáveis foram infectadas pelo vírus Sars-Cov-2 no fim de janeiro após jantarem em mesas próximas em um restaurante sem janelas na cidade de Guangzhou, na China. Para pesquisadores chineses, a causa da infecção foi a propagação de gotículas virais de um paciente assintomático, que teriam sido "sopradas" além do normal pelo ar-condicionado do estabelecimento. Em duas semanas, do dia 27 até 5 de fevereiro, mais nove pessoas que que estavam sentadas próximas a ele, sendo quatro de sua própria família, foram diagnosticadas com o novo coronavírus. Reforçando a ideia de distanciamento social com direito a recomendações quando da reabertura de estabelecimentos. O estudo ainda carece de revisões pela comunidade científica e será oficialmente lançado em julho. Ar-condicionado pode ser aliado. Embora exista a possibilidade de o ar ajudar a espalhar o vírus, como demonstra o estudo chinês, o ar-condicionado também pode ajudar a prevenir a disseminação viral, segundo pesquisadoras da Johns Hopkins Bloomberg School of Public Health, dos Estados Unidos. Para elas, o uso do equipamento quando bem conservado, evita a infecção removendo o ar de um espaço onde há gotículas de vírus. Nas residências, os indivíduos podem optar por executar sistemas de Aquecimento, Ventilação, Ar Condicionado e Refrigeração (AVAC-R) filtrados em casa ou abrir janelas para trazer ar fresco regularmente, afirmam."


Fonte: Gazeta do Povo