O diretor-geral da OMS, Dr. Tedros, tem que pedir para sair - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

O diretor-geral da OMS, Dr. Tedros, tem que pedir para sair

Por: Elite FM
Publicado em 23/04/2020
img
Diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom, disse que a primeira informação sobre a Covid-19 não veio de Taiwan. Foto: AFP

Se a letal e destrutiva Covid-19, de fabricação chinesa, tem um lado bom, é este: as qualidades e fraquezas de líderes, governos e instituições ao redor do mundo foram expostas pela pandemia, motivando, assim, reformas. A Organização Mundial da Saúde (OMS) tem sido alvo de pesadas críticas numa era de ceticismo crescente quanto à capacidade das instituições internacionais de agirem com responsabilidade e transparência, sem influência política. Os Estados Unidos, que é o maior doador único para a OMS, tem bastante espaço de manobra neste caso e agora está começando a agir.A administração Trump, furiosa por causa do papel da OMS na pandemia, recentemente anunciou que suspenderá e revisará a contribuição anual de US$400 milhões que os norte-americanos dão à instituição. O dr. Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor-geral da OMS, é o principal responsável por suas trapalhadas na reação a essa crise, sobretudo o atraso crucial em classificar a Covid-19 como Emergência Internacional de Saúde Pública. Até onde pôde, Tedros se esforçou para validar os esforços patéticos de Pequim de menosprezar o surto do vírus em Wuhan.E a China impedia de divulgar o número real de mortes e a pandemia se alastrou pelo mundo.Até onde pôde, Tedros ignorou os alertas de Taiwan e endossou as mentiras da China. Quando o mundo finalmente começou a perceber a ameaça da Covid-19, Tedros quase que imediatamente começou a culpar a comunidade internacional por sua inação.Tedros defende ditadores porque é defendido por eles e vice-versa. A China foi uma das principais apoiadoras da candidatura de Tedros, assim como seu próprio partido, que gastou milhões de dólares em sua campanha. Os cidadãos e os governos livres do mundo não devem descansar até tirarem Tedros do cargo máximo na OMS. 


Fonte: Jianli Yang é fundadora e presidente da Citizen Power Initiatives for China-Gazeta do Povo