Há uma fuga de cérebros do Brasil. Entenda os motivos - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Há uma fuga de cérebros do Brasil. Entenda os motivos

Por: Elite FM
Publicado em 24/02/2020

Doutor pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), o microbiólogo brasileiro Bruno Martorelli Di Genova se mudou há quase quatro anos para Madison, capital do estado de Wisconsin, nos Estados Unidos. Como pesquisador associado da Universidade de Wisconsin, ele participou de um estudo decisivo para explicar por que o parasita Toxoplasma Gondii, causador da toxoplasmose, precisa se instalar no intestino de gatos para se reproduzir. Bruno Martorelli não pretende voltar ao Brasil. Ele lembra que 25% dos brasileiros com doutorado, e 35% dos que têm mestrado, estão desempregados – o percentual foi levantado em 2014 pelo Centro de Gestão e Estudos Estratégicos do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações. “A indústria não se interessa por nós, somos considerados profissionais caros. Você passa anos da sua vida numa faculdade e não tem nenhuma opção de trabalho”desabafa  o microbiólogo.Como a essa altura fazer ciência no Brasil  parece ser inviável , os únicos sinais  são de decadência  e aceitar propostas do exterior é decisão facílima. Bruno Martorelli cita outras três questões que ajudam a explicar a fuga de cérebros. As pesquisas acontecem somente em universidades públicas, que acabam servindo como moeda de troca de política pública. Quando o dólar e o euro sobem muito, muitos laboratórios simplesmente não conseguem funcionar. A falta de confiança no financiamento inviabiliza o trabalho. “A maioria dos meus colegas estão saindo do Brasil porque não conseguem manter o laboratório aberto.


Fonte: Gazeta do Povo