Quase duas mil cidades não se sustentam, revela índice de gestão fiscal da Firjan - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Quase duas mil cidades não se sustentam, revela índice de gestão fiscal da Firjan

Por: Elite FM
Publicado em 04/11/2019

Receita gerada localmente não é suficiente nem para custear a estrutura administrativa. 74% dos municípios estão em situação difícil ou crítica e rigidez de orçamento com gastos de pessoal é um problema. O Índice Firjan de Gestão Fiscal (IFGF) revela que 1.856 cidades brasileiras não se sustentam, já que a receita gerada localmente não é suficiente nem para custear a Câmara de Vereadores e a estrutura administrativa da Prefeitura. Em média, esses municípios gastaram, em 2018, R$ 4,5 milhões com essas despesas e geraram apenas R$ 3 milhões de receita local. . A Firjan destaca que, para garantir pelo menos a autonomia em relação aos custos de existência, seria preciso que as cidades que não se sustentam aumentassem os recursos próprios em 50%,mas nos últimos 5 anos esse aumento foi de apenas 8,5%.Mas a lógica recomenda: se não pode aumentar os recursos, esses municípios devem reduzir os gastos com redução de funcionários e rigidez na aplicação do dinheiro, e não querer passar o chapéu ao governo para pedir recursos. Se o município quis emancipação tem que arcar com as próprias despesas. 


Fonte: Firjan