Fotos que expõem o vandalismo na UFSC; reitor apoia greve de alunos - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Fotos que expõem o vandalismo na UFSC; reitor apoia greve de alunos

Por: Elite FM
Publicado em 13/10/2019
img
"Reprodução/ Twitter"/Gazeta do Povo

Há quase um mês, parte das atividades na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) seguem paralisadas por causa de uma greve iniciada por estudantes. Não são todos que apoiam o movimento. Muitos, inclusive, decidiram continuar estudando normalmente - e acabaram sofrendo represálias por isso. A principal reivindicação dos alunos é que seja desbloqueado o restante dos recursos da UFSC contingenciados no primeiro semestre. Mas mesmo com a liberação de grande parte do recurso, não só da UFSC, mas de todas as instituições federais, R$ 1,156 bilhão, anunciado pelo MEC no dia 30 de setembro, os estudantes decidiram, no dia 4 de outubro, que não voltariam às atividades. O que chama a atenção da comunidade acadêmica e da sociedade, sobretudo, é o comportamento dos alunos durante as manifestações e o apoio da Reitoria ao movimento. Imagens que circulam nas redes sociais mostram episódios, durante os protestos, nos quais há casos de depredação de patrimônio público e dano a bem alheio.  As penalidades para estas infrações são repreensão e ressarcimento ao Estado, em caso de depredação que foi generalizada e se estranha a posição do reitor em apoiar a greve e consequentemente a depredação do patrimônio público. O advogado Jovacy Peter Filho, mestre em direito penal e criminologia pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, afirmou que a interrupção das vias de entrada da universidade e o uso indevido do patrimônio público podem configurar crime.


Fonte: Gazeta do Povo

Fonte das fotos: Imagens:"Reprodução/ Twitter"/Gazeta do Povo