A nova queda dos juros - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

A nova queda dos juros

Por: Elite FM
Publicado em 27/09/2019

Oportunidade para as economias O Banco Central fez nova redução de meio ponto porcentual na taxa Selic. Agora, os juros básicos estão em 5,5% ao ano, o patamar mais baixo desde a adoção do tripé macroeconômico, em 1999, apontando ambiente relativamente favorável para economias emergentes. As principais potências globais estão com a inflação sob controle, quando não abaixo das suas próprias metas, e enfrentam um cenário de desaceleração, por vezes beirando a estagnação ou até mesmo a recessão. Foram tantos os erros da gestão governamental que está sendo difícil fazer o motor da economia pegar. Já os fatores internos que permitem a queda dos juros são os mesmos há um bom tempo: a inflação continua sob controle – embora haja razões nada boas para isso, já que o lado da demanda continua reprimido,dada a persistência do desemprego, que empobrece as famílias e prejudica o consumo. Isso, por sua vez, explica a grande capacidade ociosa verificada hoje no parque fabril nacional e permite concluir que, mesmo no caso de um reaquecimento da economia e da demanda, a inflação continuaria dentro da meta. Os juros estão mais baixos; o governo propôs e o Congresso está aprovando a Nova Previdência; os parlamentares trabalham na simplificação tributária; Jair Bolsonaro e Paulo Guedes estão reduzindo a burocracia e zerando taxas de importação de vários bens, especialmente máquinas e equipamentos; a liberação do FGTS deve colocar mais dinheiro circulando, permitindo aos brasileiros aliviar o endividamento ou incrementar o consumo. As medidas não produzem resultados imediatos, mas há confiança em melhoras e mais empregos.


Fonte: Gazeta do Povo