Precisamos falar sobre a Doença de Alzheimer - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Precisamos falar sobre a Doença de Alzheimer

Por: Elite FM
Publicado em 29/07/2019

Começa mais ou menos assim: a mesma pergunta é feita várias vezes; há também uma dificuldade em acompanhar conversas e articular; sair de carro se transforma em pesadelo porque achar o caminho não é natural. Esses sinais evidenciam o primeiro e mais característico sintoma da Doença de Alzheimer, a perda de memória recente. O Alzheimer é uma doença neurodegenerativa que provoca a diminuição das funções cognitivas. Em poucas palavras, as células cerebrais morrem, prejudicando a função mental. A progressão da doença acarreta em problemas mais graves, como o esquecimento de fatos mais antigos, a desorientação no espaço e irritabilidade. Falar sobre a Doença de Alzheimer (DA) é uma questão de saúde pública. No mundo, estima-se que 50 milhões de pessoas sofram de demência e o Alzheimer é responsável por 70% dos casos. No Brasil a  demência deve triplicar até 2050. Ainda não há cura para a Doença de Alzheimer, o objetivo do tratamento se limita a frear os sintomas. Trata-se de uma enfermidade de evolução progressiva e inexorável. O melhor remédio é melhorar a qualidade de vida dos pacientes. O Ministério da Saúde disponibiliza o medicamento Rivastigmina adesivo transdérmico para tratamento da Doença de Alzheimer.  


Fonte: Rodrigo Rizek Schultz é neurologista e Presidente da Associação Brasileira de Alzheimer