Que tipo de pessoa a universidade produz? - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Que tipo de pessoa a universidade produz?

Por: Elite FM
Publicado em 30/07/2019

Ao avaliar as universidades dos Estados Unidos – ou qualquer uma do mundo ocidental –, você se pergunta se seu filho deveria mesmo fazer faculdade. Você pondera a pergunta mais importante a ser feita é esta: Que tipo de pessoa a universidade produz. Obviamente, pais de esquerda gostariam que seu filho saísse da faculdade com pontos de vista de esquerda, enquanto um pai mais à direita não ficaria feliz se isso acontecesse, mas todos estariam de acordo que a pergunta “Que tipo de pessoa a faculdade produziu?” deve ser feita. Acredito que, na maioria das vezes, as faculdades hoje produzem um ser humano pior, ou, pelo menos, uma pessoa que não é melhor, mais sábia ou mais madura do que aquela que fez apenas o ensino médio. Vamos começar com questões comportamentais. Há uma boa chance do seu filho ou filha ter grande parte do tempo livre em festas da faculdade, o que muitas vezes significa se embebedar, fumar maconha e fazer sexo casual. Uma grande porcentagem de estudantes universitários consome álcool sem moderação...Entre os homens, o consumo excessivo de bebidas envolve beber cinco ou mais bebidas alcoólicas em duas horas e entre mulheres é considerado quatro ou mais bebidas em duas horas. O site também afirma: “Aproximadamente 80% dos estudantes universitários – quatro em cada cinco – consomem álcool em alguma medida. Descobrimos que quanto mais um aluno tiver sido exposto ao ambiente universitário, maior o risco de consumo excessivo, frequente e abusivo de álcool. E todos nós estamos cientes do tipo de atividade sexual que está associado ao abuso de bebida na faculdade, e ao arrependimento que pode surgir no dia seguinte (geralmente da mulher). Nas palavras do psicólogo clínico Gregg Henriques, na revista Psychology Today,“não é exagero nem alarmismo afirmar que existe hoje uma crise de saúde mental entre universitários norte-americanos”. O mesmo pode-se dizer dos universitários brasileiros. 


Fonte: Tradução: Ana Peregrino© 2019 The Daily Signal. Publicado com permissão. Original em inglês. Tudo sobre: Educação Ensino superior