Austeridade prejudica retomada da economia, avaliam especialistas - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Austeridade prejudica retomada da economia, avaliam especialistas

Por: Elite FM
Publicado em 30/07/2019

Para economistas e cientista político, dívida interna é um problema, mas primeiro deve-se focar no investimento público, gerando emprego e renda, para que a população retome seu poder de compra e fortaleça os setores da economia. O Brasil vive em uma crise econômica há anos, com redução expectativa de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) e aumento gradativo de índices negativos, como alta taxa desemprego e aumento do número de miseráveis. Para tentar estancar essa tendência, vários governos, desde 2012, tentam impor medidas que mudem esse quadro. De incentivos a empresas, passando pelo congelamento de gastos sociais, e até mesmo com reformas que prometem geração de empregos e crescimento econômico. Nenhuma dessas medidas,como mostram os índices brasileiros, mudaram essa realidade. A dívida pública brasileira, que está em cerca de R$ 4 trilhões com cifras astronômicas em juros que o próprio governo e classe política não fazem questão de divulgar.  O governo precisa estimular a circulação de renda primeiro, aquecendo setores importantes como a construção civil, gerando empregos e dando poder de compra para a população. Com dinheiro no bolso, o brasileiro compra mais, empresas vendem mais e a máquina volta a girar, mantendo a demanda na economia e aumentando a capacidade produtiva e de empregos. Cada real que o governo investe se multiplica, pois gera outros gastos e retorna inclusive como imposto. É um efeito multiplicador", ressalta o economista.


Fonte: Sistemas@comuniquese4.com.br