Relaxe. As máquinas não vão roubar o seu emprego. - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

Relaxe. As máquinas não vão roubar o seu emprego.

Por: Elite FM
Publicado em 21/07/2019

Entre as mais viáveis de todas as ilusões econômicas está a crença,especialmente dos sindicatos, de que a máquina, na realidade,cria desemprego. Destruída mil vezes, tem ressurgido sempre das próprias cinzas com a mesma firmeza e o mesmo vigor.  Sempre que há prolongado desemprego em massa, é a máquina que, novamente, leva a culpa.  Essa falácia é ainda a base de muitas manifestações de sindicatos. De fato, essa é uma das mais antigas e resilientes lendas da economia, o que se deve ao fato de que ela se baseia em um raciocínio tão intuitivo quanto equivocado. Ora, se empresas instalam máquinas para realizar o serviço de um(ou mais) empregados, os empregadores poderão dispensá-los. Logo, o efeito desse movimento, quando praticado em massa por toda a economia, só pode ser o aumento do desemprego. Certo?!? Não, errado. O uso de tecnologia e maquinário para substituir determinadas tarefas humanas – um movimento milenar, mas que se acelera após a Revolução Industrial – não foi acompanhado de queda nos níveis de emprego ou renda pelos trabalhadores, e principalmente: levou a um aumento vertiginoso dos padrões de vida para todas as classes sociais. Em segundo lugar os dados mostram que o avanço da tecnologia e da automação não causou desemprego, redução de renda, ou queda nos níveis de vida dos trabalhadores. O que podemos perceber de imediato é que vários dos países que encabeçam a lista (Coreia do Sul, Cingapura, Alemanha, Suécia, Dinamarca, Estados Unidos, Bélgica, Holanda, Canadá, Finlândia e Suíça) são países conhecidos pelo alto padrão de vida dos trabalhadores e pela alta qualidade dos empregos. A produtividade muda a qualidade dos empregos e não a quantidade.


Fonte: Gazeta do Povo