A esquerda é contra a reforma, mas não propôs nenhuma alternativa - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

A esquerda é contra a reforma, mas não propôs nenhuma alternativa

Por: Elite FM
Publicado em 15/07/2019
img
Imagem:Interbet//aosfatos.org

O discurso da esquerda radical girou todo em torno de duas posições: não são necessariamente contrários a uma reforma da Previdência, mas a esta reforma, que seria injusta e puniria os mais pobres e apontam como  solução para nossos problemas um simples aumento de impostos sobre os  “mais ricos”. É um show de demagogia! No primeiro caso, atacam a reforma existente em nome de outra imaginária, que existe somente na fantasia deles. Por que não propuseram reformas alternativas então? Por que, quando o PT “governou” o país por 14 anos, nada fizeram nesse sentido? Sobre o segundo ponto, chega a ser cansativo rebater essa falácia. Em nome do combate às desigualdades, a esquerda sempre pregou mais impostos. A esquerda é imune a fatos e argumentos. O presidente da Comissão Especial, deputado Marcelo Ramos, mostrou que a reforma é 15 vezes mais dura com os mais ricos, os que gozam de privilégios, aposentadorias integrais e precoces, ou seja, os servidores públicos. Num país com 13 milhões de desempregados, com vários outros milhões em subempregos, eis que a esquerda quer preservar as aposentadorias rechonchudas dos servidores públicos. Foi Roberto Campos quem melhor definiu essa gente: “Nossas esquerdas não gostam dos pobres. Gostam mesmo é dos funcionários públicos. São estes que, gozando de estabilidade, fazem greves, votam no Lula, pagam contribuição para a CUT. Os pobres não fazem nada disso. São uns chatos…


Fonte: Rodrigo Constantino –Gazeta do Povo