O Brasil é pobre porque não investe na indústria nacional - Elite FM 101.7 - Energia positiva no ar!

O Brasil é pobre porque não investe na indústria nacional

Por: Elite FM
Publicado em 25/04/2019

Sem dúvida o maior motor de desenvolvimento de um país advém da indústria por envolver um processo que exige educação eficiente para gerar capital humano que tenha capacidade de criar produtos competitivos para o mercado mundial.     No Brasil sempre houve boas intenções, mas de boas intenções, o inferno está cheio. O Brasil é pobre porque não investe na indústria nacional. Levantamento indicou que a participação da indústria no PIB é a menor desde 1947, o início da série histórica. O setor representa 11,3% da atividade econômica do país, refletindo a desindustrialização das últimas décadas vividas pelo Brasil. Bastou a divulgação desse dado para que chovessem pedidos de subsídio e maior proteção à indústria. A memória do brasileiro é curta. A Nova Matriz Econômica, que vigorou no auge do petismo, consistia em subsidiar juros via BNDES para estimular a indústria. Em outras palavras, dinheiro público era utilizado para ajudar empresas. Em um período de nove anos, entre maio de 2007 e maio de 2016, a conta do BNDES fechou em R$ 1,2 trilhão, valor equivalente a 40 vezes o atual orçamento do Bolsa Família — previsto para R$ 30 bilhões em 2019.Não foi o único mimo recebido pela indústria nacional advindo do governo. A barreira comercial brasileira é uma das maiores do mundo, responsável por inibir a competição estrangeira.O Brasil, pelo seu tamanho, numa decisão desastrada passou a ser um país rodoviário e seus veículos são nascem em fábricas, mas em montadoras, ou seja, se faz um simples” copiar colar”. Não existem fábricas brasileiras de veículos, apenas montadoras que vendem os veículos com preços os mais caros do mundo e recebem subsídios do governo.


Fonte: Gazeta do Povo